Tesla demite funcionário após 3 dias no emprego

O engenheiro de software foi demitido por supostamente colocar 26 mil arquivos em sua conta pessoal do Dropbox poucos dias depois de ser contratado. Os arquivos roubados são scripts em Python que automatizam várias partes do negócio da Tesla como compras, gerenciamento de estoque, pagamento, processamento e entrega de veículos. As informações são do site The Register.

Desenvolvido por BLV Digital desde 2014

%d blogueiros gostam disto: