Microsoft patenteia chatbot para conversar com entes queridos que já faleceram

A patente prevê um sistema para obter conteúdo digital como imagens, voz, postagens em mídias sociais, mensagens eletrônicas e até mesmo cartas escritas por uma pessoa, e usar machine learning para treinar um chatbot que replicaria como essa pessoa escreveria. O recurso, é claro, poderá ser usado por pessoas ainda vivas e também poderá aprimorar chatbots de atendimento ao cliente que usam inteligência artificial. As informações são do site Inputmag.

Desenvolvido por BLV Digital desde 2014

%d blogueiros gostam disto: