Microsoft apresenta avanço em computação quântica

A equipe de pesquisadores da Microsoft e da Universidade de Sydney desenvolveu uma plataforma de controle quântico criogênico que usa circuitos CMOS especializados para receber entradas digitais e gerar uma grande quantidade de sinais de controle de bits quânticos (qubit) paralelos, permitindo suporte ampliado para milhares de qubits, um salto em relação a tecnologias anteriores. O núcleo do computador também pode ser operado a 2 Kelvin, temperatura facilmente alcançada por imersão em Hélio líquido e, embora ainda seja muito frio, é 20 vezes mais quente do que a tecnologia anterior. As informações são do blog da Microsoft.

Desenvolvido por BLV Digital desde 2014

%d blogueiros gostam disto: